Posted in:

Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio?

Imagem 10 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio

Que tal emitir boleto na hora de cobrar o cliente?

Se nunca pensou em ofertar esse meio de pagamento, é bom conhecer as vantagens que ele oferece.

O boleto bancário é uma solução que existe há quase 30 anos no Brasil, mas que vem se modernizando para se manter entre as mais utilizadas.

Uma empresa que implanta sua política de cobrança não pode desconsiderar essa ferramenta.

É por isso que, neste artigo, vou falar sobre o seu funcionamento e explicar como emitir boleto de forma fácil, segura e barata.

Se você acha que está diante de um meio de pagamento oneroso, vá revendo seu conceito desde agora.

Ao final da leitura, aposto que vai desejar emitir boleto hoje mesmo.

O que é o boleto bancário?

Uma das modalidades de cobrança mais tradicionais do mercado é a emissão de boletos bancários.

Com o avanço da internet, da digitalização e do comércio eletrônico, emitir boleto se tornou a segunda forma de pagamento mais utilizada em compras online, atrás apenas do cartão de crédito.

Por isso, o empreendedor não pode descartar o uso do boleto para fechar a venda de produtos ou de serviços.

É claro que há determinadas atividades que se valem mais do que outras desse meio de pagamento.

Indústrias, por exemplo, podem cobrar mais facilmente via boleto do que no comércio varejista, onde parece impensável utilizá-lo.

Se você já trabalha com outros mecanismos, não tem problema.

A melhor maneira de evitar desistência e facilitar as transações comerciais é a oferta de diversos meios de pagamento ao seu cliente.

Imagem 1 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
Você sabia que a segunda forma de pagamento mais utilizada é o boleto? Por isso, fique atento e verifique se essa ferramenta é indicada para o seu negócio.

O boleto é uma forma barata e prática, como aponta o Sebrae, e é indicado principalmente para quem quer diversificar seus meios de pagamento ou gastar menos em taxas.

É importante entender que o boleto não é só um instrumento de recebimento.

O documento também funciona como um título cobrança, pois contém as informações do pagamento que precisa ser quitado.

Uma vez confirmado o pagamento do boleto – o que ocorre em até dois dias úteis dependendo da solução contratada – não há mais como reverter a transação.

Este ato perfeito é uma vantagem para o vendedor.

Em outros meios de pagamento, há casos em que a venda é cancelada.

No boleto, não.

Entenda o processo de emitir boleto

Se você não sabe emitir boleto, mas se interessou pela oferta desse meio de recebimento para sua empresa, fique ligado.

Neste tópico, vou falar em detalhes sobre o procedimento, que é bastante simples.

Para emitir boleto, você precisa contratar uma carteira junto a um banco ou utilizar uma plataforma intermediadora de pagamentos, como a conta.MOBI, por exemplo.

Se você optar por um banco, provavelmente a solução oferecida será a do boleto registrado, cujas regras foram atualizadas pela Federação dos Bancos do Brasil, a Febraban.

Chamada de “Nova Plataforma”, o sistema da Febraban criou um banco de dados único pelo qual vão trafegar os dados de empresas e clientes.

O objetivo da ferramenta, que já está em funcionamento, é deixar o sistema mais seguro.

Mas os custos desse modelo de boleto também são mais altos do que o boleto sem registro, do qual vou falar já, já.

Voltando ao boleto registrado, esse modelo apresenta as seguintes taxas:

  • Registro: cobrada no momento em que o boleto é emitido e dá entrada no sistema do banco. Mesmo que o boleto não venha a ser pago, a cobrança será debitada.
  • Custódia: pela permanência do boleto aberto no sistema, o banco pode cobrar uma tarifa adicional.
  • Pedido de alteração de dados: você precisou atualizar ou modificar algum dado boleto? O banco pode cobrar mais uma tarifa por isso.
  • Liquidação: quando o boleto é liquidado (ou seja, pago), com ou sem demora, o banco abocanha mais uma tarifa.

Com a entrada em vigor da nova plataforma, já deu para perceber que os bancos vão ganhar mais na cobrança de taxas.

Ainda assim, pode ser vantajoso para sua empresa emitir boleto com registro.

A segurança contra fraudes, por exemplo, é o principal argumento para a mudança.

Mas isso não significa o fim do boleto sem registro, que é mais barato.

Imagem 3 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
A emissão de boletos simples pode ser mantida, se acordada entra a empresa beneficiária e o banco emissor do boleto.

A própria Febraban anunciou em seu site que a “cobrança não registrada poderá ser mantida, desde que seja acordada entre a empresa beneficiária e o banco emissor do boleto”.

Com uma ressalva: o pagamento só poderá ser realizado, mesmo antes do vencimento, no banco que emitiu o boleto.

Assim, a única obrigatoriedade para quem optar por emissão de boleto simples será que os clientes efetuem o pagamento na própria instituição em que foi emitido.

Mas por que o boleto sem registro é mais barato?

Principalmente pela cobrança de uma única taxa, o que acontece apenas no momento da liquidação do boleto junto ao banco.

Então, se o cliente não pagar, não há cobrança de taxa?

É isso mesmo.

Se você pensar bem, é o cenário ideal para uma loja virtual, por exemplo.

No e-commerce, muita gente compra no boleto para garantir o desconto do dia, mas deixa para pagar depois, esquece ou muda de ideia.

Se o boleto é simples, tudo bem. Mas se for registrado, a empresa já arcou com uma despesa mesmo sem gerar receita alguma.

O que também torna o boleto simples mais barato é o fato de que o também não passa pelo banco.

O preenchimento do documento, por exemplo, fica a cargo da empresa.

O banco não é informado no início da transação.

Ele apenas transfere os valores quando o pagamento é confirmado.

Com seu envolvimento menor, a operação se torna mais em conta para os envolvidos nela.

Em quais situações emitir boleto é a opção mais indicada para o recebimento?

Seja simples ou registrado, interessado em emitir boleto?

De fato, pode ser uma boa para o seu negócio.

Entenda que não existe contraindicação.

O uso do boleto bancário é indicado para todo o tipo e porte de negócio – e isso inclui o microempreendedor individual (MEI).

Imagem 2 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
O meio digital esta sendo cada vez mais utilizado nos negócios e o boleto bancário não fica de fora.

Ainda mais em um mundo cada vez mais digital.

O boleto é uma opção inteligente e segura para a sua empresa e na qual vale a pena apostar para atrair mais clientes.

A emissão de boletos funciona bem para cobrança de serviços e para produtos cujo tempo de entrega é flexível.

Ou seja, não é a solução mais indicada para soluções imediatas, como o já citado varejo.

Uma floricultura, um mercado ou uma padaria não podem cobrar seus clientes por boleto no caixa, certo?

Mas um eletricista, uma empresa de alvenaria ou uma fábrica de calçados, sim.

Para esse tipo de negócio, o boleto pode ser a solução ideal.

A opção de boleto atende a todo tipo de negócio?

Como acabei de destacar, emitir boleto pode ser uma alternativa para qualquer negócio.

E isso pode ser feito pelo modo tradicional, como ficou conhecido desde a criação da ferramenta, na década de 90.

Ou seja, a partir da contratação de uma carteira junto aos bancos.

Mas para microempreendedores individuais. micro e pequenas empresas, existe uma maneira muito atrativa de emitir boleto.

Ela se dá através da contratação de uma plataforma de pagamentos digital.

Ainda não conhece?

É possível e acessível ter o suporte de uma empresa especializada para gerenciar seus boletos.

Isso se torna muito mais vantajoso do que ficar no corpo a corpo com o banco, especialmente se você não deseja usar o boleto com registro.

Você pode escolher uma solução que ofereça diversas opções de cobrança, sem burocracia e que garanta o recebimento do seu dinheiro.

Quando você adquire um serviço desse tipo, várias opções e meios de pagamento online ficam à disposição.

Sua empresa deixa de ser refém das instituições financeiras.

E por valores sempre mais em conta, não importa a modalidade contratada.

Para começar, você não paga para emitir boletos, já que a cobrança só ocorre se o documento for compensado.

Sem contar que a empresa contratada vai lidar com toda a burocracia.

E você vai usar seu tempo com outras coisas importantes para o seu negócio.

Tudo isso com um custo que se encaixa nas necessidades do seu empreendimento.

São taxas customizadas de acordo com o volume da sua emissão.

Parece uma boa ideia?

Uma das soluções mais interessantes do mercado é a da conta.MOBI.

Imagem 4 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
Conta digital de pagamento e recebimento para você fugir da burocracia dos bancos.

Ela oferece as condições que listei acima e o que é mais interessante: a integração do boleto a uma conta digital, com direito a suporte contábil.

Ou seja, você controla a situação financeira da sua empresa.

E ainda faz o gerenciamento de forma simples e direta, através da plataforma digital da conta.MOBI.

É, sem dúvida, uma solução que dá credibilidade para a sua empresa na hora de finalizar a transação comercial, além de garantir a segurança da operação.

Tipos de negócios em que o boleto é a melhor opção de recebimento

Vamos supor que você seja um pequeno empreendedor que decidiu abrir uma loja virtual.

Não importa o produto à venda, o uso do boleto bancário deve ser uma das opções disponíveis.

No caso em que o seu modelo de negócio implica em cobranças recorrentes e o contato com o cliente é físico, o boleto também funciona muito bem.

Por exemplo, uma administradora de condomínios, que precisa gerar boletos todos os meses para centenas e até milhares de moradores.

O mesmo vale para uma escola ou uma imobiliária.

Para os prestadores de serviços, as vantagens são inúmeras, pois o boleto se encaixa perfeitamente no perfil do empreendimento.

Outro segmento que se dá muito bem com a emissão de boletos é o comércio atacadista, que negocia grandes quantidades de mercadorias, fazendo a intermediação entre produtores e o comércio varejista.

Veja que estamos falando de negócios que são como água e vinho, dadas as diferenças entre eles.

É uma bela prova de quão democrático é o boleto.

Principais vantagens de emitir boleto

Já falei bastante sobre benefícios de emitir boleto para o seu negócio.

Mas quero registrar ainda mais vantagens para que você veja o quanto tem a ganhar.

Confira!

Taxas mais baratas

A emissão de boleto é uma das formas mais baratas de cobrança do mercado.

Mesmo que você contrate a carteira mais cara em um banco, o boleto é mais barato que outros meios, como o cartão de crédito.

Imagem 5 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
O boleto bancário pode lhe garantir mais rapidez no recebimento e menos taxas a pagar.

Se você contratar uma empresa especializada para emitir boleto, esse valor pode cair ainda mais.  

Dinheiro liberado com rapidez

O boleto bancário é garantia de dinheiro recebido com rapidez.

Após a confirmação do pagamento, o crédito é liberado em poucos dias na sua conta.

Prazo bem diferente de alguns meios de pagamento, como os créditos de cartões, que chegam a demorar até 30 dias para serem creditados.

Flexibilidade

Quem nunca atrasou um boleto que atire a primeira pedra.

Às vezes, por puro esquecimento. Ou por atraso da correspondência.

Isso acontece bastante com boletos, principalmente no caso de prestação de serviços.

O que acontece? No cartão de crédito, por exemplo, a conta já vai para o rotativo com um caminhão de juros.

Mas no boleto, haverá uma pequena multa por atraso e um juros diário para o pagador.

Nada abusivo, o que garante que o cliente do serviço quite logo seu boleto em aberto.

Isso evita o cancelamento do serviço e garante a continuidade do contrato, sem maiores danos para as partes.

Opção segura

Muita gente ainda tem medo de cadastrar dados pessoais e financeiros em transações pela internet.

Ao disponibilizar o boleto, você não perde a venda e o consumidor escolhe como vai pagar o título.

Pode pagar em dinheiro, na lotérica, no banco, pela internet e até no cartão.

Como saber se emitir boleto é solução mais vantajosa para seu negócio?

Seria temerário cravar que emitir boleto é a melhor ou a única solução para o seu negócio.

Na verdade, não existe a melhor forma de pagamento.

Existe aquela – ou aquelas – que você consegue implementar com eficácia e que geram resultados satisfatórios.

Emitir boleto pode ser um diferencial competitivo ou uma questão de sobrevivência para o seu negócio.

Como saber?

Conhecendo a fundo as características do seu empreendimento e do seu público.

Escolher o meio de pagamento mais adequado é uma decisão estratégica, pois o modelo tem que funcionar bem para os dois lados do balcão.

Portanto, antes de escolher o meio de pagamento mais vantajoso para o seu negócio, avalie as seguintes variáveis que vou relacionar agora.

Quem é seu público

Imagem 6 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
Descobrir quem é seu público e como é seu comportamento contribuirá para o seu negócio.

Como seu público se comporta financeiramente?

Há os que valorizam descontos e promoções.

Em outros casos, a preferência é pelo parcelamento.

E tem ainda o cliente que é das antigas e só quer pagar em dinheiro vivo.

Qual é o “ticket médio” do seu negócio?

Isto é, quanto em média cada cliente costuma gastar com sua empresa em cada compra?

Suas compras são para pessoas físicas ou jurídicas? Ou para ambas?

Qual é o percentual da cada perfil?

Pergunte, pergunte e chegue a uma definição mais clara sobre aquele que você atende.

O que o mercado faz e pensa

Depois de entender quem é seu público e como ele consome, procure conhecer as formas de pagamento mais usadas no mercado em que você atua.

É sempre bom dar uma espiada na concorrência para formar uma opinião.

Além disso, procure identificar as tendências do mercado.

Quais são os novos meios de pagamento ou modelos de negócio disponíveis?

A depender do perfil do seu negócio, será um bom caminho optar por um pacote de serviços que inclua um ou mais meios de pagamento, ou apostar em uma tecnologia emergente que vai conferir o diferencial da inovação.

Taxas na ponta do lápis

Todas as soluções de pagamento existentes no mercado trabalham com taxas, que variam de empresa para empresa.

Para se diferenciar dos bancos, a plataformas de pagamento digitais oferecem serviços integrados e cobram taxas proporcionais pelo volume de transação.

No mercado de cartão de crédito, acontece o mesmo.

Um mesmo serviço de maquininha pode cobrar aluguel (ou não) e taxas variadas para as compensações em débito e crédito.

Ainda no caso dos cartões, é preciso atenção máxima para as taxas de antecipação de recebíveis.

É importante ter essa alternativa em mãos para emergências – não se recomenda antecipar créditos usualmente.

Ainda assim, essas taxas sempre são altas.

Por isso, avalie bem esta questão antes de contratar uma solução.

Emitir boleto sempre sai mais em conta.

Prazos de recebimento

Imagem 7 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
Ao utilizar boletos como formas de recebimento o prazo pode ser menor se comparado com operadoras de cartões.

Na mesma linha de raciocínio, é preciso entender quando a sua grana entra na conta, para que você possa planejar seu fluxo de caixa.

Operadoras de cartão, carteiras digitais e bancos trabalham com prazos distintos.

Em geral, o débito online é o mais rápido, pois é feito de uma conta para outra.

No caso do boleto, o prazo só começa a contar após o cliente pagar.

A compensação pode demorar até 72 horas.

No cartão de crédito, o recebimento pode demorar até 30 dias.

Atendimento e suporte

Você contratou uma solução. Ótimo!

Na segunda semana, seu equipamento ou software começou a dar problema e você descobriu que o suporte da empresa prestadora do serviço é lento e o atendimento é precário.

Por isso, antes da escolha do meio de pagamento, é importante verificar se o serviço oferecido tem um canal de atendimento competente e um canal direto para dar suporte ao seu negócio.

Não fique na mão quando mais precisar.

Segurança

A solução escolhida deve garantir que as transações aconteçam em um ambiente de nível máximo de segurança e estejam protegidas contra tentativas de fraude.

A segurança é fundamental, desde o acesso do cliente ao site, no caso de uma loja virtual, até a proteção contra clonagem de cartão.

E se o boleto não for a opção mais indicada o que fazer?

Bem, você avaliou o perfil do seu negócio, estudou seu público, o mercado, as taxas e prazos e chegou à conclusão de que o boleto não é a melhor opção.

Nesse caso, existem outras boas opções de meio de pagamento que podem ser perfeitamente utilizados pela sua empresa.

Vamos conhecer?

Cartões

Imagem 8 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
Os cartões são atualmente o meio de pagamento mais utilizado, mas vale ficar de olho nas taxas e prazos de recebimento.

Os cartões de débito e crédito, por exemplo, são o meio de pagamento mais utilizado atualmente no país.

A possibilidade do parcelamento nos cartões, que já vêm com um limite aprovado, criou uma nova cultura de consumo entre os brasileiros.

Não por acaso, as grandes lojas substituíram o velho crediário pelo uso de cartões próprios, nos quais oferecem mais opções de parcelamento.

Você encontra as maquininhas de cartão nas lojas e também pode utilizar seu cartão acessando o ambiente online.

Como já disse anteriormente, olho nas taxas e nos prazos de recebimento.

TEF

Uma opção rápida e barata é a transferência online de fundos (TEF).

O dinheiro entra rápido na conta, às vezes em horas.

As taxas cobradas são muito pequenas.

A desvantagem é que o cliente precisa mostrar suas informações bancárias e a plataforma tem que ter acesso seguro à internet banking.

Por isso, muito cuidado.

Carteiras digitais

Falei em tendências neste artigo.

Uma delas são as carteiras digitais, que funcionam através de aplicativos de celular e guardam as informações utilizadas pelo usuário nas transações online.

Esses apps dispõem de bons recursos de privacidade e segurança.

Embora não seja exatamente uma novidade, o uso das carteiras digitais vem crescendo nos últimos anos.

Empresas como Google, Samsung e Apple vêm investindo com força no modelo.

Plataformas de pagamento

Como se diz no futebol, as plataformas de pagamento fazem a triangulação das relações financeiras entre o cliente, o seu negócio e os bancos.

Essas soluções, como a conta.MOBI, oferecem um pacote de produtos e serviços reunidos sob o mesmo contrato.

Logo, sua empresa pode ter acesso a um só tempo a serviços como maquininha de cartão, boletos, transferência bancária ou link de pagamento.

Tudo isso sem a exigência de que, para cada serviço, você faça um contrato específico.

O que é muito prático, e a preços acessíveis ao micro e pequenos empreendedores.

As plataformas de pagamento se responsabilizam pela segurança das transações.

Ou seja, o investimento em servidores e sistemas de segurança fica por conta da contratada.

Conclusão

No artigo de hoje, pudemos entender como a evolução da tecnologia da informação e do aumento do uso do ambiente digital estão influenciando o comportamento financeiro dos consumidores.

O boleto bancário é um meio de pagamento muito utilizado, não só pela praticidade, mas também pela economia em relação a outros meios.

Imagem 9 - Emitir boleto é a opção de recebimento mais indicada para seu negócio
São muitas as vantagens ao utilizar o boleto como um meio de recebimento! E você, já utiliza o boleto em seu negócio?

Vimos também que há dois tipos de boleto bancário no mercado e que novas regras vão mudar a forma de contratação e pagamento pelo serviço.

Além dele, outros meios de pagamento podem ser utilizados pela sua empresa.

Para você avaliar qual o melhor, é preciso conhecer a fundo seu negócio e o mercado.

Entre as opções, uma solução que se encaixa no perfil de micro e pequenas empresas são as plataformas de pagamento.

Elas oferecem uma variedade de meios de pagamento, além de prestar suporte ao cliente.

Esse é o caso da conta.MOBI, solução ágil, segura e das mais baratas do mercado.

Isso é tudo o que você precisa para economizar tempo e planejar o crescimento do seu negócio mais rapidamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *