Posted in:

Loja de variedades: como montar seu negócio em 9 passos?

Imagem 1 - Loja de variedades como montar seu negócio em 9 passos

Quem nunca buscou um presentinho de última hora em uma loja de variedades?

É por razões como essa que abrir uma empresa do tipo pode ser um negócio promissor.

Você tem esse sonho, mas também muitas dúvidas? É natural.

Tomar a iniciativa de empreender pode parecer difícil, muitas vezes.

No entanto, seguir com o próprio negócio e lutar por aquilo que se acredita tende a ser recompensador.

E se for em uma atividade na qual faça o bem pelas pessoas, ainda que indiretamente, melhor.

O ato de presentear está firme em nossa cultura e, por isso, iniciei esse texto fazendo menção a isso.

Quem nunca, não é mesmo?

O presente simboliza o estreitamento nos relacionamentos entre parentes e amigos e é uma forma de gratidão também.

As várias esferas do mercado de varejo incentivam esse comportamento e, ao longo do ano, não faltam ocasiões para isso, como:

Dia das mães, dos namorados, dos pais, dos avós, do amigo, Páscoa, casamento, aniversários, Natal e por aí vai.

Além disso, existem as necessidades da casa que já viraram até piada:

potes que somem, meia que se perdem durante a lavagem, copos e pratos que se quebram, enfeites que “necessitam” ser renovados…

A essa altura, fazendo associações com a própria vida e com as tantas histórias que você já ouviu, deu pra entender que o mercado das lojas de variedades é próspero e sem previsão de arrefecimento.

Então, que tal tentar sua oportunidade ao sol nesse ramo? Com boa gestão e planejamento, o sucesso será consequência.

O que é uma loja de variedades?

Imagem 2 - Loja de variedade como montar seu negócio em 9 passos
Imagina que facilidade para o seu cliente poder encontrar tudo o que precisa em um só lugar? Com uma loja de variedades você pode oferecer isso a ele!

Uma loja de variedades é o estabelecimento em que se encontra diversas soluções.

Desde pequenos presentes a utilidades domésticas, passando por alimentos, produtos de limpeza, ferramentas, artigos para festa, brinquedos, etc.

É aquela loja que tem de tudo. Você já ouviu falar de lojas de 1,99, não é mesmo?

Esse é um exemplo popular de loja de variedades.

O principal objetivo de uma empresa nesse segmento é atender a um público que espera rapidez e facilidade para encontrar o que atenda a sua necessidade.

Por isso, a variedade é fundamental para atrair clientes.

Outro fator que favorece o crescimento desse ramo são as complicações urbanas das grandes, médias e até pequenas cidades.

Que transformaram o lar num ponto de encontro, um centro de entretenimento para cultivar relações.

Com isso, as pessoas esperar cultivar um ambiente visualmente harmônico e atrativo. Por isso, as soluções vão além dos presentes.

Esse é um bom ramo de mercado para você investir?

Imagem 3 - Loja de vaeridades como montar seu negócio em 9 passos
Como a maioria dos produtos neste tipo de negócios é barato, vende-se muito!

A verdade é que dá para ter um bom faturamento mensal com um negócio desse tipo.

Principalmente quando for possível firmar parcerias com fornecedores que ofereçam bons preços e condições de venda.

O lucro é um dos principais objetivos em um negócio e, com uma loja de variedades, é possível precificar os produtos com 80% a 100% de retorno.

Um empreendedor de uma loja de variedades acaba ganhando na quantidade.

Vende muito porque vende barato.

Vende barato porque vende muito.

Entendeu o princípio que rege o negócio?

O que você precisa para abrir uma loja de variedades?

Antes de qualquer coisa, é recomendável que você faça uma pesquisa de mercado.

Qual a demanda da sua região?

Existe muita concorrência?

O que você poderia fazer de diferente para se destacar?

Se possível, monte um plano de negócios, tenha um controle completo do que precisará ser feito para ter uma loja em pleno funcionamento.

Outro passo importante que contribui para o sucesso de empreendimento é a sua localização.

Espaços nos quais há grande fluxo de pessoas levam vantagem.

Proximidade com estações e pontos de ônibus ou metrô, com shopping centers, calçadões e centros comerciais são atraentes e muito convenientes.

Os produtos comercializados em uma loja de variedades atendem a públicos que estão procurando alguma coisa ou mesmo àqueles que estão “só dando uma olhadinha”.

Acredite, sempre há algo necessário.

Que tipo de produto é comercializado em uma loja de variedade?

Imagem 4 - Loja de variedades como montar seu negócio em 9 passos
Neste tipo de negócio é possível trabalhar com um mix diversificado de produtos.

As lojas de variedades são conhecidas por trabalharem com muitos produtos diferentes.

Sendo que a maior parte é voltada ao uso doméstico, brinquedos, pequenas ferramentas de trabalho, presentes, alguns alimentos, produtos descartáveis e muito mais.

Como o objetivo é oferecer muitos produtos úteis com preços acessíveis, o empreendedor deve estar atento às necessidades do seu público.

Por isso, você vai precisar elaborar uma boa cartela de fornecedores que possam oferecer variados produtos e bons preços para revenda, garantindo ainda a entrega dentro do prazo.

Como abrir uma loja de variedades?

Imagem 5 - Loja de variedades como montar seu negócio em 9 passos
Não tem segredo nem erro. Leia atentamente os 9 passos abaixo e saiba como tirar sua loja de variedades do papel!

Tendo definida a localização do seu estabelecimento, com um plano de negócios em mãos e conhecendo o mercado da sua cidade, é preciso definir quais produtos serão vendidos.

Algumas pessoas preferem focar na venda de utilidades para o lar, outros optam por se especializar em brinquedos e acessórios para o dia a dia.

Portanto, é preciso se definir por mercadorias que tenham uma boa procura em sua região.

Para garantir a variedade e diversidade de itens, com preços tentadores, é imprescindível buscar lojas que vendam a preço de atacado.

E bons fornecedores que possa oferecer um serviço de confiança e que atendam quando preciso.

Então, como montar minha loja de variedades?

Fique tranquilo, eu te ajudo a responder essa pergunta através de dicas simples.

Monte seu negócio em 9 passos

A seguir, trago um passo a passo para você começar a empreender montando a sua própria loja de variedades.

1. Tenha uma missão

Definir uma missão não é apenas para ter algo bonito a dizer ou a expor na parede. Isso vai nortear todo o seu trabalho.

Ao iniciar um negócio, é importante responder claramente à essa pergunta:

  • O que quero conseguir tendo o meu próprio empreendimento?

Exemplos de respostas que você pode dar:

quero ser uma loja que oferece algo que está ao alcance financeiro do meu público;

quero tornar as comemorações das pessoas ainda mais especiais; quero ser reconhecido pela qualidade no atendimento…

Não importa quais sejam as suas respostas, sua missão deve ser clara e real.

Se você quer ter uma loja diferenciada, sua missão precisa estar bem definida.

Ter uma missão ajuda a não perder o foco diante das adversidade e a mostrar que você trabalha por aquilo que você acredita.

Com isso, sua equipe se manterá engajada para conquistar objetivos diariamente.

Junto com a missão, é importante refletir sobre valores e visão.

Os valores são os princípios que regem uma empresa e a visão é a característica pela qual você quer que seu negócio seja reconhecido.

Com tudo isso claro, você e sua equipe poderão trabalho focados na mesma direção.

2. Análise de mercado

Outro ponto essencial para um planejamento estratégico: avalie o mercado.

Pular essa etapa pode predestinar um negócio a falhar antes mesmo de começar.

Será que sua cidade, bairro ou rua tem lugar para mais uma loja de variedades?

Para saber a resposta, o ideal é fazer uma pesquisa de mercado.

Hoje, existem profissionais especializados que podem fazer isso por você.

No entanto, ter dinheiro sobrando antes mesmo de começar um negócio, não é coisa fácil.

Por isso, deixo uma solução para que você mesmo arregace as mangas e vá a luta!

  1. Primeiro, você precisa analisar qual o seu foco: cidade, bairro ou rua?
  2. Depois, liste todas as lojas de variedades dessa região.
  3. Aprofunde a pesquisa e veja quantos desses estabelecimentos ficam perto de você.
  4. Esses serão seus prováveis concorrentes!

E é imprescindível conhecê-los melhor: o que eles oferecem, quanto faturam, qual a classe social dos seus clientes, tudo entra na pesquisa.

Com isso, é possível detectar possíveis brechas no mercado e fazer boas escolhas no seu segmento, como localização do ponto, posicionamento da marca, qualidade de atendimento e diferenciais competitivos.

Para que dê certo, você também precisar fazer uma análise SWOT, que seria uma lista descrevendo forças, fraquezas, ameaças e oportunidades para o seu negócio.

Ela vai esclarecer qual o cenário do mercado em que pretende atuar.

Guarde essas informações, pois elas serão importantes para os próximos passos.

3. Defina o ponto para o seu estabelecimento

Outro fator decisivo para o seu sucesso é definir um ponto através do seu estudo de mercado.

É o momento para levar em consideração o posicionamento de marca da sua loja de variedades.

Por exemplo, se a intenção for atender o público A, você terá que montar seu negócio em um bairro nobre, em shoppings ou ruas badaladas.

Outros fatores que devem ser avaliados com total atenção:

  • Quantidade de lojas que vendem os mesmos produtos que você e estão próximas
  • Valor do aluguel
  • Disponibilidade de estacionamento
  • Facilidades de acesso por transporte público.

Enfim, tudo isso pode e vai influenciar no seu faturamento.

E não se esqueça de montar sua loja em um local de grande circulação de pessoas, pois isso aumentará suas chances de sucesso.

A maior parte das lojas vendem quando os clientes passam em frente ao estabelecimento e resolvem entrar.

Então, se não houver pessoas passando nesse local, você provavelmente vai vender menos do que poderia.

4. Defina a estrutura da sua loja de variedades

Tendo missão definida, mercado analisado e localização estratégica, é importante avaliar qual será o tamanho do seu estabelecimento.

É o tamanho da loja que determina a quantidade de mercadorias que você precisa ter em estoque para atender às necessidades do público.

No entanto, não adianta ter um bom estoque se a sua loja não tem capacidade para expor os produtos.

A exposição deve ser clara, agradável e atrativa.

Além disso, é o tamanho da loja que define o valor a ser gasto em mercadorias.

Esse é o momento de calcular quanto seria o investimento inicial para encher as prateleiras.

O tamanho do estabelecimento também é decisivo para avaliar quantos clientes a loja comporta ao mesmo tempo.

de modo que ainda fique seguro, agradável e confortável a todos que ali circulam.

Falando em conforto, é preciso orientar a equipe para garantir um bom atendimento. Mas como?

5. Escolha sua equipe

Esse é um ponto dos mais críticos, mas aos mesmo tempo mais importantes para o sucesso do empreendedor.

Contratar bem quer dizer engajar uma boa equipe.

Seus colaboradores são o que há de mais importante para o seu negócio dar certo.

É preciso profissionais para área administrativa, financeira, gestão e atendimento.

A verdade é que ninguém cresce sozinho. Mas então como escolher?

Na prática, muito empreendedores começam o negócio sendo um faz tudo. No entanto, nem sempre isso funciona.

É preciso apostar em um colaborador capacitado ou experiente (ou que vá ser treinado) para que você, como solucionador, tenha possibilidade de ficar no seu campo de atuação direta.

Seja cuidadoso ao contratar um vendedor ou atendente.

Eles são o coração do negócio e estão diretamente ligados à lucratividade e a reputação do seu estabelecimento.

Um mau atendimento pode fazer você perder um cliente para sempre.

O tamanho da sua equipe também será determinado por alguns pontos técnicos, como horário de funcionamento da empresa.

Mas nesse primeiro momento, não se preocupe em ter uma grande equipe.

6. Defina sua estratégia de marketing

Ter uma estratégia de marketing é um ponto que vem sendo amplamente estimulado.

Antigamente muitos desconheciam o poder de alcance do marketing bem feito.

No entanto, hoje é imprescindível.

Talvez você não tenha percebido, mas a sua estratégia já começou lá na análise de mercado.

Definir as oportunidades, forças, fraquezas e ameaças, bem como ponto de venda e estrutura da loja, fazem parte de um planejamento de marketing.

Isso garante um bom posicionamento de mercado. E já é bastante coisa, mas não o suficiente.

É preciso definir o seu público: classe social, faixa etária, gênero.

Tudo isso é importante para decidir pela melhor decoração, pelos produtos e pela estratégia de comunicação que você vai usar em suas campanhas.

Além disso, não se esqueça de manter uma visibilidade digital, que é muito importante também.

Veja algumas dicas importantes para também se posicionar na internet:

  • Facebook: compartilhe seus produtos, promoções e novidades em uma fanpage
  • Instagram: poste produtos, novidades e os bastidores da loja. Aproxime os clientes daquilo que é bom e acontece em seu comércio. Abuse das hashtags para ser encontrado
  • Anúncios: crie anúncios distribuídos pela rede e até uma loja online, se possível
  • Tenha um site falando o que sua empresa oferece, sua história, sua missão e uma galeria com fotos de produtos.

Mas um aspecto importante, que deve ser seu foco incessantemente, é focar nas necessidades do cliente.

Ele busca encontrar produtos que sejam solução para seu dia a dia e que tenham preço justo. Satisfaça as demandas e certamente você terá sucesso.

7. Defina sua cartela de produtos

Nessa etapa, é importante avaliar a localização do seu ponto de venda, a condição financeira do público que você quer atrair e, então, definir quais produtos vai vender.

Você deve estar ciente sobre a disponibilidade de reserva que seu público tem para investir nos seus produtos.

Se gostam de preço mais baixo ou de exclusividade, que marcas são acostumados a consumir, quais as suas principais necessidades.

Tudo isso é importante para você trabalhar com produtos de alta rotatividade, ou seja, que vendem sempre.

Além disso, é importante observar quem serão os seus fornecedores, a logística para entrega da mercadoria, o valor do frete, a necessidade de transporte próprio.

A sua operação precisa ser viável e a mercadoria se encaixar no seu orçamento.

8. Fornecedores: onde comprar para revender?

Os fornecedores serão seus grandes parceiros. Por isso é importante que você selecione empresas em quem você confia.

É importante que você trabalhe com quem tenha preços justos e esteja antenado sobre as novidades do mercado.

Além disso, procurar por atacadistas é uma interessante opção para o seu negócio.

No entanto, fique atento à sua verba disponível.

9. Fique atento à disponibilidade do seu orçamento

Não vale seguir à risca tudo que foi dito até aqui se no final das contas não há dinheiro para começar, não é verdade?

Para montar uma loja, lembre-se que não é apenas escolher o ponto e comprar produtos.

Você precisa de prateleiras, mobiliar um escritório, telefone e até treinar a sua equipe.

Por isso, coloque na ponta do lápis quanto você precisa para começar esse negócio. Seja criterioso e anote tudo

Depois, veja o que é dispensável por enquanto. Mas tenha clareza de quanto será preciso investir para o seu estabelecimento funcionar.

Sua conta entre o que você tem disponível e o que você vai investir deve fechar.

Alguns negócios até sobrevivem quando começam com dívidas. Mas não é uma regra!

Seja cauteloso e planeje-se.

Bônus: Fique atento às questões legais para montar uma loja de variedades

Imagem 6 - Loja de variedades como montar seu negócio em 9 passos
Assim como qualquer outro tipo de negócio, você precisará lidar com as burocracias de legalizar o seu negócio para trabalhar tranquilo.

Para abrir e montar uma loja de variedades, você precisa passar por uma série de procedimentos legais.

É necessário a abertura de firma, contratação de um contator e outros trâmites burocráticos. Mas não desvalorize a importância dessas etapas.

Hoje, as questões legais de um estabelecimento são levadas muito a sério e você deve estar de acordo para trabalhar com tranquilidade.

Mas afinal, o que é necessário antes de abrir uma loja de variedades?

Além disso, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) recomenda que o empreendedor fique atento às leis federais e principalmente ao Código de Defesa do Consumidor.

O importante é que você tenha os pés no chão na hora de começar o seu negócio e seja responsável em todas as etapas.

Qual o investimento estimado para abrir uma loja de variedades?

Imagem 7 - Loja de variedades como montar seu negócio em 9 passos
Faça as contas e se programe, com planejamento e esforço é possível tirar seu sonho empreendedor do papel.

Comentei sobre a disponibilidade de verba, mas não especifiquei o investimento inicial estimado para abrir uma loja de variedade.

É claro que tudo depende do tamanho e do estilo do seu empreendimento.

No entanto, segundo o Sebrae, uma loja de variedades com uma área de aproximadamente 50 m² exige um investimento inicial estimado em R$ 60 mil.

Esse item compreende:

  • Reforma do estabelecimento (R$ 12 mil)
  • Vitrines, gôndolas e prateleiras (R$ 6 mil)
  • Balcão (R$ 2 mil)
  • Capital de giro (R$ 6 mil)
  • Estoque inicial (R$ 30 mil)
  • Telefone, computador e impressora (R$ 4 mil).

É claro que esse valor é estimado e varia de acordo com as particularidades de cada região.

Mesmo assim, com o estabelecimento já em funcionamento, é possível fazer algumas economias com impostos e taxas.

Como economizar com impostos na sua loja de variedades?

Imagem 8 - Loja de variedades como montar seu negócio em 9 passos
O DAS é a guia mensal de pagamento do MEI, por meio dela o empreendedor fica quite com suas obrigações tributárias.

Ao abrir uma microempresa, o empreendedor poderá optar pelo Simples Nacional, que é o Regime Especial Unificado de Arrecadação de Tributos e Contribuições.

Para isso, sua receita bruta anual não pode ultrapassar R$ 360 mil.

Nesse regime, o empreendedor poderá recolher tributos e contribuições por meio de apenas um documento fiscal chamado DAS (Documento de Arrecadação Simplificada).

Entre esses impostos, estão:

  • Imposto de Renda de Pessoa Jurídica – IRPJ
  • Contribuição Social Sobre o Lucro – CSLL
  • Programa de Integração Social – PIS
  • Contribuição para o financiamento da seguridade social – COFINS
  • Imposto sobre circulação de mercadorias e serviços – ICMS
  • Contribuição para a Seguridade Social relativa a parte patronal – INSS.

A lei regulamenta que as alíquotas do Simples Nacional para esse ramo de atividade variam de 4% a 11,61%, dependendo da receita bruta auferida pelo negócio.

Contudo, se a receita bruta anual não ultrapassar R$ 60 mil, pode-se optar por ser microempreendedor individual (MEI).

Essa é uma excelente opção para empresas recentes economizarem em impostos, ficando os seguintes valores a recolher:

5% do salário mínimo vigente para contribuição previdenciária do empreendedor e R$ 1 sobre ICMS.

Formalização MEI

Para ter acesso às vantagens tributárias como MEI, é preciso estar formalizado.

A formalização é o procedimento que dá origem à empresa, regularizando sua situação de pessoa jurídica que exerce atividade econômica.

O procedimento é gratuito e deve ser feito pelo Portal do Empreendedor.

Veja o passo a passo:

  1. Acesse o Portal do Empreendedor
  2. Digite seu CPF e certidão de nascimento para começar
  3. Preencha as informações solicitadas na página seguinte
  4. Escolha o código CNAE 4713-0/02 como atividade econômica
  5. Informe o endereço
  6. Envie o formulário preenchido.
  7. Pronto, você já é um MEI.

7 dicas para administrar uma loja de variedades e vender mais

Imagem 9 - Loja de variedades como montar seu negócio em 9 passos
Fazer uma boa gestão do seu negócio é fundamental para garantir um futuro próspero e lucrativo.

Antes de concluir, ofereço mais algumas dicas para que sua loja de variedades tenha vida longa:

  • Desenvolva uma metodologia que motive sua equipe de trabalho, pois são seu braço direito
  • Esteja atento às necessidade do seu cliente e permita que estar em seu estabelecimento seja mais que uma compra, mas uma experiência agradável
  • Não atrase o pagamento dos seus impostos
  • Trabalhe com um contador da sua confiança
  • Trabalhe com fornecedores da sua confiança
  • Prepare-se para datas comemorativas e traga novidades
  • Não pare no tempo, inove e se atualize.

Conclusão

Imagem 10 - Loja de variedades como montar seu negócio em 9 passos
Se o seu sonho é empreender, mas até agora não sabia que tipo de negócio abrir, saiba que a loja de variedades pode ser uma opção promissora, mas claro o sucesso depende de você!

As lojas de variedades não saíram de moda e essa onda não vai passar tão cedo.

Mesmo depois de ter se tornado tão popular, ainda é possível atingir bons resultados. Por isso, vale a pena apostar nessa oportunidade.

No entanto, reforço mais uma vez que o planejamento é a chave para o sucesso.

Além disso, busque novidades e traga sempre as melhores soluções para o seu público.

E não esqueça que trabalhar com preço justo é um diferencial.

Ninguém quer mais perder dinheiro e nem o recurso mais valioso, que é tempo.

Todos esperam soluções práticas e, de preferência, que possam ser encontradas em um mesmo lugar.

Agora é com você!

Coloque as ideias deste artigo em prática e comece a empreender!

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *