Posted in:

Trabalho em casa com montagem de objetos: este é um bom negócio para você investir?

Trabalho em casa com montagem de objetos - este é um bom negócio para você investir?
Trabalho em casa com montagem de objetos: este é um bom negócio para você investir?
4.6 (92%) 10 votes

Trabalho em casa com montagem de objetos é, sem dúvida nenhuma, uma excelente oportunidade para iniciar um negócio.

Brinquedos, canetas, sacolas de papel, kits, bijuterias e brindes são algumas opções bastante promissoras nesse mercado, que vem crescendo ao longo dos anos.

Mais do que isso, trabalhar de casa também tem sido uma alternativa para muitas pessoas.

E sabe por quê?

Assim, elas unem a comodidade de atuar home-office e suas habilidades com trabalhos manuais.

De quebra, garantem uma boa renda mensal.

Mas como tudo na vida, é claro que esse negócio de trabalho manual para ganhar dinheiro não faz milagres.

Para dar certo, há um longo caminho, que envolve dedicação, organização e habilidades profissionais diversas.

Por outro lado, quem acredita e se mostra autoconfiante já tem uma das características indispensáveis a todo empreendedor.

Esse é o seu caso?

Quer saber mais sobre o trabalho em casa com montagem de objetos?

Então, continue lendo esse artigo e saiba tudo sobre o assunto!

Entenda a crescente tendência do trabalho em casa

O home office, ou trabalho em casa, tem sido cada vez mais uma estratégia de muitos brasileiros.

Além de ter autonomia, para que você mesmo escolha os melhores horários do dia para trabalhar, você ainda economiza com combustível, condução e alimentação.

São todas despesas inevitáveis para as pessoas que trabalham fora, não é verdade?

Outra grande vantagem é que o seu dia rende mais, porque não precisa ficar no trânsito para se deslocar de casa para o trabalho e vice-versa.

Imagem 1 - Trabalho em casa com montagem de objetos este é um bom negócio para você investir
A tendência do home office esta crescendo cada vez mais e empresas já são adeptas desse modelo.

Além de ganhar tempo, você também evita o estresse, bastante comum nessa situação.

Mas a tendência do home office não vem só dessas facilidades.

A busca por resultados nunca foi tão grande, não só para os empreendedores, mas também para as empresas, que valorizam muito mais a produção do que a presença física do colaborador.

Ou seja, mais valem as entregas que um funcionário faz do que se ele está presente das 8h às 18h no escritório.

A gigante Google foi uma das primeiras empresas a adotar a flexibilidade no horário de trabalho.

É um símbolo dessa tendência de valorizar mais os resultados dos seus colaboradores do que o conhecido “bater cartão”.

Depois dela, muitas outras companhias, que perceberam que essa flexibilidade motivava os funcionários ao ponto de entregarem mais e com melhores resultados, embarcaram nessa cultura.

Algumas pessoas trabalham melhor de manhã, outras de tarde, algumas preferem um ambiente mais isolado, enquanto outras valorizam estar com mais pessoas.

Independentemente de como é melhor para cada uma, o importante é atuar com qualidade e dentro dos prazos.

Por isso, essa flexibilidade passou a ser uma realidade para muitas empresas.

A popularidade do home office também faz com que essa modalidade de trabalho aumente cada vez mais.

O avanço da tecnologia, incluindo a abertura das lojas virtuais e também o crescimento dos blogs, muitos desses trabalhos realizados pelas pessoas em suas próprias casas, fez com que a sociedade enxergasse o home office como mais uma forma de trabalho, assim como qualquer outra.

Não por acaso, o assunto acabou regulamentado na Reforma Trabalhista, que entra em vigor neste mês.

Com o nome de teletrabalho, agora o home office tem regras claras no Brasil.

Mas muito antes disso, ele já era realidade.

De acordo com a pesquisa “Trabalho, para mim – entendendo a demanda dos candidatos por flexibilidade”, feita pelo ManpowerGroup e realizada no Brasil e em mais 18 países, 31% dos brasileiros consideram a flexibilidade de horários na hora de escolher uma empresa para trabalhar, 51% querem trabalhar meio período e 18% gostariam de atuar home office.

Esses dados mostram que existe não só uma tendência, mas também uma expectativa das pessoas pelo trabalho de forma mais flexível.

Confira mais sobre essa pesquisa aqui.

Trabalho em casa com montagem de objetos: a quem esse negócio é indicado?

Se você quer atuar na sua casa, fazer seus próprios horários e tem habilidades com trabalhos manuais, então a montagem de objetos pode ser perfeita para você.

Esse é o primeiro passo para ter sucesso nesse negócio.

Imagem 2 - Trabalho em casa com montagem de objetos este é um bom negócio para você investir
O trabalho em casa com montagem de objetos pode te render ainda mais lucro.

Mas ele é indicado para quem está na seguinte situação ou tem os seguintes interesses:

  • Você não tem experiência no mercado de trabalho e quer começar a fazer alguma coisa para ganhar dinheiro
  • Precisa ficar mais tempo em casa para cuidar dos filhos pequenos
  • Quer ter uma renda extra
  • Acabou de ser demitido e está com dificuldades em se recolocar no mercado de trabalho
  • Tem tempo e vontade de trabalhar o máximo de horas possível em casa.

Seja em qual dessas situações você se encaixa, o trabalho home office com montagem de objetos pode ser uma ótima alternativa.

O quanto você vai ganhar vai depender da sua disponibilidade de tempo e de energia para trabalhar.

Quanto mais objetos montar e mais clientes prospectar, mais irá ganhar.

Parece atrativo para você?

Então, vai gostar de saber quanto investir para começar.

Trabalho em casa com montagem de objetos: quanto investir?

Então, qual o investimento inicial exigido para o trabalho em casa com montagem de objetos?

Fique tranquilo, pois você não precisa de muito dinheiro.

Depende apenas de ter o suficiente para comprar a matéria-prima necessária para montar os objetos.

Isso costuma ser barato, principalmente se comprar em lojas especializadas ou localizadas em centros comerciais populares.

É claro que, dependendo do mercado que escolher, o investimento pode ser maior ou menor.

Isso acontece porque as matérias-primas para fazer determinado objeto podem ser mais em conta do que aquelas que usaria para montar um outro produto.

Ou seja, há muitos fatores que fazem esse valor inicial variar bastante.

Você também pode precisar de menos peças para produzir um ou outro objeto.

Por outro lado, um que você gaste mais dinheiro pode garantir mais ganhos também.

Faça uma pesquisa e avalie o quanto você precisa investir para montar cada objeto pelo qual se interessa em trabalhar.

O ideal é que você gaste o mínimo possível em um primeiro momento.

Você pode fazer apenas uma boneca e divulgar em grandes sites de compras, por exemplo.

Assim, você consegue avaliar se existe demanda – o que é fundamental.

Outra dica é divulgar a boneca para empresas e lojas que sejam potenciais clientes para avaliar se elas comprariam e em qual quantidade.

Se perceber que esse mercado não tem potencial de compra, pense em outro objeto para você montar e vender.

Mas evite gastar muito confeccionando produtos que você nem sabe se existem clientes para ele.

É muito mais prudente e inteligente da sua parte se agir assim.

Como começar o trabalho em casa com montagem de objetos?

Para você fazer o seu negócio acontecer da melhor forma possível, é importante seguir alguns passos.

Quer saber quais são eles?

Então, confira só as dicas que preparei!

1. Escolha o produto

Imagem 3 - Trabalho em casa com montagem de objetos este é um bom negócio para você investir
Faça pesquisas e descubra o produto que mais se identifica com o seu perfil.

O primeiro passo é saber qual é o produto que quer trabalhar.

Escolha de preferência algo que goste e que tenha valor para você.

Aliás, você deve ser o primeiro a ver valor no produto para que possa vender esse valor para o seu cliente.

O mais importante na escolha do produto é avaliar se ele leva soluções, resolve problemas ou se faz pessoas felizes.

Isso mesmo!

Qualquer negócio que tenha essas metas é rentável.

Seu lema deve ser: “vendo carrinhos de montar de madeira que ajudam no desenvolvimento cerebral da criança”.

Ou ainda: “faço brindes que motivam e ajudam os funcionários da sua empresa a produzirem mais”.

2. Avalie o mercado

Escolheu o produto?

Agora, você precisa saber se existe mercado para ele.

Elabore uma peça e faça uma pesquisa para saber se clientes potenciais se interessam por ela.

Fale com amigos e divulgue para lojas, online ou não, e empresas que você acha que podem comprá-la.

Se for o caso, faça mais algumas peças e deixe em uma loja para verificar se houve interesse na compra.

Caso perceba que existe mercado, seu trabalho será montar os objetos e prospectar cada vez mais clientes.

Se não existir, pense em um outro produto e faça novamente a pesquisa.

Não venda um produto, mas sim um valor.

Mostre as vantagens que o cliente vai ter se comprar de você.

3. Organize seu trabalho

Já sabe qual é o produto e já viu que tem mercado para ele?

Imagem 4 - Trabalho em casa com montagem de objetos este é um bom negócio para você investir
O ambiente deve ser organizado e favorável para realizar o seu trabalho.

Agora, chegou a hora de ter um bom espaço na sua casa para você trabalhar de forma ágil, produtiva e organizada.

Procure um cômodo com poucas distrações, arejado, limpo e organizado.

Um ambiente com poluição visual e distrações com certeza fará com que você produza menos.

E não custa lembrar que a produção é um dos grandes diferenciais desse trabalho.

Você também precisa de um computador para estruturar o seu caixa, sua agenda e outras tarefas.

Pense também em estratégias para que você consiga fazer o seu trabalho da forma mais rápida possível.

Gavetas e armários de fácil acesso vão te ajudar a organizar e pegar as matérias-primas quando precisar.

Uma mesa grande com as peças separadas por ordem para a confecção do produto é muito estratégico.

Lembra da famosa “produção de chão de fábrica”?

É exatamente isso.

Quanto mais organizado e rápido você produzir, mais você vai ganhar.

4. Use estratégias virtuais

Faça pesquisas sobre o seu mercado, concorrência e clientes.

Caso a sua ideia seja vender online em sites especializados no seu ramo, você precisará atualizar produtos, incluir informações e responder mensagens de clientes.

Outro ponto importante é a sua atuação nas redes sociais.

Divulgue o seu trabalho para amigos e seguidores e faça campanhas de marketing no Facebook e no Instagram.

As redes sociais estão entre as melhores formas de prospecção de clientes.

Quais as principais burocracias que você enfrentará para trabalhar em casa com montagem de objetos?

Um dos pontos principais para quem pretende trabalhar com montagem de objetos é fazer o registro da empresa.

A forma mais simples é a do microempreendedor individual, o MEI, que é o menor formato de empresa existente no Brasil.

Imagem 5 - Trabalho em casa com montagem de objetos este é um bom negócio para você investir
Algumas burocracias fazem parte do registro da sua empresa, aproveite o Portal do Empreendedor e simplifique.

Além da carga tributária ser mais baixa, os MEIs ainda garantem alguns benefícios bem interessantes.

No Portal do Empreendedor, você faz o seu cadastro como MEI de forma rápida e prática.

Para isso, conta, com a ajuda de um passo a passo explicativo e ainda pode esclarecer as dúvidas na opção “Dúvidas Frequentes”.

Enquadrado no regime tributário simplificado, chamado de Simples Nacional, com oito impostos em uma mesma alíquota, o MEI não precisa pagar tributos federais, como PIS, Cofins, Imposto de Renda, CSLL e IPI.

Você paga apenas um fixo mensal, que gira em torno de R$ 50, e que é usado no pagamento de ISS, o Imposto Sobre Serviços, e da Previdência Social.

Entre os benefícios, estão a aposentadoria por idade, auxílio-doença e auxílio-maternidade.

Já quanto às regras, é preciso observar:

  • Faturamento é limitado a R$ 60 mil por ano (será R$ 81 mil em 2018)
  • Não ser sócio, titular e administrador em outra empresa
  • Ter no máximo um empregado
  • Ter uma atividade enquadrada nas permitidas ao MEI.

Como abrir uma empresa MEI para montar objetos

  1. Acesse o Portal do Empreendedor
  2. Em Nova Inscrição, informe seu CPF e a data de nascimento
  3. Depois, inclua o número do recibo do Imposto de Renda de uma declaração como pessoa física entregue nos últimos dois anos. Se não tiver, informe o número do seu título de eleitor
  4. Na aba Identificação, insira o nome empresarial, nome do empresário, nacionalidade, sexo e nome da mãe, número do documento de identidade, estado emissor e também um telefone para contato
  5. Depois, em Atividades, declare a sua ocupação principal e o código CNAE referente a ela. Se trabalhar com brinquedos, por exemplo, seu CNAE será 9529-1/99.
  6. Na sequência, é preciso preencher o endereço comercial e o residencial do MEI, que podem ser iguais
  7. Para a formalização, também deve informar o valor do capital social, que corresponde ao investimento inicial para a abertura e manutenção da empresa (pode ser a partir de R$ 1,00)
  8. Para concluir, assinale as caixas com declarações de desimpedimento e capacidade, além da opção pelo Simples Nacional e o enquadramento como microempresa
  9. Pronto! Você já tem um CNPJ
  10. A inscrição gera o Certificado da Condição de Microempreendedor Individual, que possui validade de 180 dias
  11. O processo depende ainda do comparecimento à prefeitura, garantindo seu alvará permanente e verificando se novas licenças precisam ser atendidas.

11 sugestões de objetos para você trabalhar com a montagem em casa

Antes de mais nada, considere que o seu produto deve ter um diferencial com relação à concorrência e fazer a diferença na vida do cliente.

Caso contrário, como falei anteriormente, dificilmente ele terá mercado.

Mas para você se animar, listo a seguir algumas opções bem interessantes.

Imagem 6 - Trabalho em casa com montagem de objetos este é um bom negócio para você investir
A montagem de brinquedos é uma das opções para trabalhar em casa.

Confira!

1. Montagem de brinquedos

Boneca de pano, carrinho de madeira e chocalho para bebê são algumas alternativas.

Brinquedos para cães também são interessantes e esse mercado está cada vez mais em ascensão.

2. Montagem de kits

Você pode produzir para empresas ou para pessoa física, mas é essencial apostar nas datas comemorativas, como Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia dos Namorados, entre outras.

As opções vão desde kits pequenos, colocados em frascos menores, até grandes cestas.

O importante é caprichar na decoração.

Use frascos bonitos, com fitas coloridas, cestas com flores e materiais de qualidade.

O seu produto precisa fazer os olhos do cliente brilharem.

3. Montagem de bijuterias

Quem não quer ficar mais bonita e usar uma bijuteria diferente e que ninguém tem?

Ou então os brincos daquela personagem famosa da novela?

Esses são os “valores” que você vai vender.

Além disso, as pessoas costumam prestigiar mais os trabalhos manuais e artesanais.

Para muitas, tem mais valor adquirir uma linda peça elaborada cuidadosamente do que comprar de um revendedor.

Providencie miçangas, pingentes e outros acessórios e faça suas bijuterias com toda a sua criatividade, habilidade e bom gosto.

Essas pecinhas são bem baratinhas e você pode colocar um preço de venda que esteja à altura do produto.

Os ganhos podem ser bem arrojados.

4. Montagem de utensílios para cozinha

Os utensílios para cozinha são muito úteis.

Peças artesanais de madeira para guardar talheres e pratos ou outros itens mais decorativos para pendurar na parede são ótimas alternativas.

Os trabalhos artesanais bem feitos são muito apreciados, principalmente se você usar materiais diferentes do comum ou recicláveis.

5. Montagem de objetos de decoração

Quem não gosta de peças de decoração para a casa?

Em especial se, além de decorar, elas também tiverem utilidades, como porta-retrato, porta-caneta e porta-copos.

6. Montagem de brindes

As empresas entregam brindes para os funcionários praticamente o ano todo, tanto nas datas comemorativas quanto em ações de reconhecimento.

Imagem 7 - Trabalho em casa com montagem de objetos este é um bom negócio para você investir
Uma boa oportunidade para o ganho de dinheiro extra é a montagem de brindes.

Elas também costumam presentear os clientes com brindes para estimular as compras.

Esse é, com certeza, um público bastante interessante.

Bótons, bloquinhos e chaveiros são muito úteis e todas as empresas precisam.

Mas você pode também usar a criatividade e pensar em objetos que possam ajudar no dia a dia dos colaboradores.

Outro ponto importante a ser considerado é que a empresa provavelmente vai querer personalizar esse brinde.

Portanto, você precisa trabalhar com um parceiro que faça essa parte e que seja muito bom e organizado com prazos para que não atrapalhe a sua entrega.

Uma outra alternativa é investir em maquinários para você mesmo personalizar.

7. Montagem de sacolas

As sacolas de papel são muito úteis e fáceis de montar.

Você pode ter grandes clientes e personalizar as sacolas conforme a necessidade deles.

Mas pode também fazer as peças de forma mais artesanal, com colagens de tecido, lantejoulas e papel colorido, caso tenha habilidade com esse tipo de criação.

Apesar de não conseguir fazer em quantidades maiores, um produto assim tem mais valor para as pessoas e pode ser vendido por um preço mais robusto.

As sacolas sustentáveis costumam ter bastante adesão e você ainda mostra a sua preocupação com o meio ambiente, o que conta como ponto positivo para você.

Outra opção é investir em máquinas para a elaboração de sacolas plásticas para vender aos supermercados.

8. Montagem de canetas

As canetas são muito utilizadas por empresas para presentear funcionários, mas elas também podem ser vendidas para consultórios e escritórios pequenos.

A gama de clientes é bastante ampla e, por isso, essa é uma boa aposta.

9. Montagem de jogos de tabuleiro

Esses jogos são muito interessantes tanto para quem quer jogá-los quanto para quem quer usá-los como itens de decoração.

Lojas especializadas em vendas de objetos para presentes podem ser clientes potenciais.

10. Montagem de brinquedos de madeira

Muito interessantes para os adultos que querem resgatar sonhos e valores do passado.

Brinquedos como carrinho, pião e blocos de madeira são usados para decorar a estante ou a prateleira da sala.

11. Montagem de envelopes e cartas

Esse trabalho consiste em responder, etiquetar e envelopar malas-direta e enviar pelo correio.

Existem empresas que contratam profissionais para trabalharem de casa dessa forma e que oferecem todos os materiais necessários para a tarefa.

Vale a pena investir no trabalho em casa com montagem de objetos?

Você é que decide!

Alguns especialistas são enfáticos em dizer que tudo aquilo que resolve problemas e melhora a vida das pessoas é promissor.

Portanto, se o seu produto se encaixa nessas características, pode ter certeza que terá muitos resultados com ele.

Mas você precisa estruturar muito bem o seu negócio, escolher o melhor objeto, saber onde estão e como chegar nos seus clientes potenciais, além de trabalhar com muita dedicação.

Imagem 8 - Trabalho em casa com montagem de objetos este é um bom negócio para você investir
Para um promissor trabalho é necessário estabelecer um bom planejamento.

E, claro, atuar em casa requer ainda mais comprometimento, porque na hora que bater o sono, a sua cama será bastante convidativa para aquele cochilo.

A TV também pode ser uma variável para te tirar do seu foco.

Portanto, procure se dedicar inteiramente ao seu trabalho e fazer um planejamento estruturado do seu tempo.

Lidar com a solidão também pode ser uma dificuldade.

Algumas pessoas só percebem isso quando saem da empresa e começam a trabalhar em casa.

Como mencionei anteriormente, alguns trabalham melhor sozinhos e outros sentem bastante dificuldade.

Nesse caso, a solidão pode atrapalhar o andamento das tarefas.

Por outro lado, trabalhar de casa pode proporcionar maior qualidade de vida, autonomia e economia de tempo e de dinheiro.

Conclusão

O trabalho em casa com montagem de objetos pode ser uma oportunidade e tanto.

Não há dúvidas sobre isso.

Estamos falando de uma atividade que cai bem para aqueles que buscam complementar a renda, para quem tenta uma recolocação no mercado e também para quem deseja abrir uma empresa.

Sim, por que não apostar na ideia para concretizar o seu sonho empreendedor?

Seja qual for o caminho escolhido, neste artigo, você obteve boas dicas para construir o seu planejamento estratégico.

Caso decida investir na atividade, encare o projeto com a seriedade que ele merece.

Ao buscar informação e conhecimento, você já está dando o primeiro passo.

Deixe uma resposta
  1. boa noite quero o serviço de envelopar montar envelope para fazer em casa também quero que me entregue em casa ou me explique como e feita a entrega para começar a trabalhar preciso logo

  2. Ola boa noite tenho interesse em trabalhar em casa esta dificil por causa da minha idade tenho 56 anos estou em plena saúde mas o mercado de trabalho não entende assim, por isso espero trabalhar com vcs sei que posso me dedicar bastante . Obrigada

  3. Maria Aparecida Davino Battaglini 15/06/2019,

    Quero o serviço de envelopar, montar envelope para fazer em casa.Tambem quero que me entregue em casa ou me explique como e feita a entrega para começar a trabalhar. Preciso logo.
    Obrigada.

    Email:- [email protected]

  4. Boa Tarde! Ja mandei meu nome e email mas nao obtive resposta.
    Meu nome e MariaAparecida Davino Battaglini.
    Tenho interesse no trabalho de montagem. Aguardo contato (11)972512906 o mais rapido possivel.Obrigada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *