Posted in:

Coaching: O que é, resultados e benefícios para o seu negócio

Coaching:O que é resultados beneficios

Capaz de transformar vidas, o coaching é um processo de desenvolvimento que busca aproveitar todo o potencial de uma pessoa, de um grupo ou de um negócio.

O objetivo é simples: identificar pontos fortes e fracos, explorando os primeiros e corrigindo os segundos para a concretização de metas e sonhos em âmbito pessoal ou profissional.

Mas o que está por trás do coaching? Que benefícios ele traz na prática? Vale para todo mundo? E onde pode ser aplicado?

Foi para responder essas e outras perguntas que elaboramos este artigo, que vai funcionar como um guia definitivo para você tirar todas as suas dúvidas.

Ao fim da leitura, você não apenas terá as respostas que procura, como também será capaz de avaliar se a profissão de coach tem a ver com o seu perfil.

Boa leitura!

O que é coaching? Entenda o significado

O coaching é o nome dado ao processo de desenvolvimento de todo o potencial de um cliente, chamado de coachee, que busca melhores resultados em alguma área da sua vida.

Com encontros periódicos, que podem ocorrer presencialmente ou até pela internet, o profissional coach presta uma espécie de consultoria para que o cliente alcance crescimento.

Essa consultoria consiste em identificar as suas virtudes e vulnerabilidades, que hoje o aproximam ou afastam de seus objetivos, seja no campo pessoal ou profissional.

Para tanto, o coach lança mão de técnicas e ferramentas com embasamento científico, tendo como foco o desenvolvimento de competências e habilidades comportamentais.

Interessante observar o crescente interesse por esse tipo de trabalho.

Nos últimos quatro anos, o coaching cresceu mais de 300% no Brasil, segundo dados da International Coach Federation (ICF), entidade que representa o setor em nível internacional.

Coaching tradução

Na língua inglesa, o verbo “to coach” significa ensinar ou treinar.Coaching: O que é? Entenda o significado.

Portanto, “coaching”, em uma tradução literal para a Língua Portuguesa, poderia ser entendido como um treinamento ou formação.

Note que a tradução literal serve apenas como uma curiosidade, porque o processo de coaching, como já explicamos, vai muito além de apenas um treinamento: tem a ver com a potencialização das capacidades de quem adere ao coaching.

Tanto nos Estados Unidos como no Brasil, o termo coaching ganhou significado próprio, que vai além da tradução literal.

Quando você ouve alguém falar em coaching, dificilmente estará se referindo a uma formação em algum curso, e sim ao processo de coaching, no qual um especialista utiliza técnicas para melhorar o desempenho do seu cliente.

De qualquer forma, conhecer a origem do termo pode ajudá-lo a entender o propósito do coaching e como ele se desdobra na prática.

Coach x Coaching

Falando em termos resumidos, “coach” é o nome que se dá ao profissional especializado que ministra o processo de coaching e é responsável pela análise e orientação dos clientes.

Já “coaching”, como agora você já sabe, é o nome que se dá a esse processo, no qual um cliente recebe orientações de um coach para buscar o aperfeiçoamento de suas capacidades, seja na vida profissional ou pessoal.

Coach e Coachee: Entenda a diferença

Cuidado para não errar.

O coach é o nome dado ao profissional especializado que vai conduzir o processo de coaching.

Já o coachee é o cliente, a pessoa que decide passar pelo processo de coaching.

Assim, no coaching, o coachee é instruído pelo coach.

Como são nomes parecidos, em um primeiro momento, é natural a confusão.

Porém, conforme avança no tema, fica clara a posição que você pode assumir nesse processo.

Qual a importância do coaching?

Coaching: Qual importancia?O coaching tem assumido uma relevância cada vez maior na sociedade atual, que cobra alto desempenho a todo o momento.

É assim no ambiente de trabalho, nos estudos e até mesmo nos relacionamentos.

Somos cobrados a dar o nosso melhor, mas nem sempre isso é possível, pois há pontos de bloqueio que impedem a alta performance.

É nisso que reside a importância do coaching, pois a metodologia oferece um caminho para o sucesso na vida pessoal e profissional.

No início, o processo se popularizou entre executivos, que sentiam necessidade de se especializar para melhorar em determinada área da empresa, em especial quando recebiam promoções.

Imagine, por exemplo, que, de uma hora pra outra, você precisa chefiar uma equipe de vinte pessoas.

Atordoados com essa responsabilidade, os executivos procuravam especialistas no assunto para oferecer dicas de liderança e gestão.

Depois, foi crescendo a importância do coaching voltado à vida pessoal, capaz de encontrar soluções para problemas que se arrastam por anos e atormentam a rotina.

Agora, o coaching está consolidado e a maior prova disso é que você pode encontrar coaches em milhares de cidades brasileiras, especializados em uma série de temas.

Em todas as suas diferentes abordagens, o método é o mesmo: desenvolver competências e habilidades para levar o indivíduo, grupo ou empresa do estado atual para o estado desejado.

Ao proporcionar uma vida melhor para os clientes, o coaching se popularizou e teve sua importância reconhecida por meio da criação de sociedades e associações para profissionalizar o ramo.

Tipos de coaching

Atualmente, como já destacado, há enorme variedade de tipos de coaching, porque a demanda por esses serviços segue aumentando.

Confira, a seguir, os principais.

Coaching de relacionamento

O coaching de relacionamento se dedica a melhorar as relações pessoais.

Vale para relacionamentos amorosos, mas também para amizades e mesmo para o dia a dia com colegas de trabalho.

Assim, o serviço também é prestado para pessoas com dificuldades de relacionamento em geral, seja com pais, filhos ou parentes.

Coaching de carreira

O coaching de carreira permite que o cliente tenha novas perspectivas na vida profissional, seja crescer na mesma compa

Coaching: Tipos

nhia, trocar de empresa, buscar outra posição no mercado, começar a empreender ou mudar completamente de área.

Basta ter um objetivo claro para, com a ajuda do coach, promover a mudança comportamental necessária para a sua realização.

Coaching personal

O coaching personal, também chamado de coaching pessoal, personal coach e life coach, é o nome que se dá ao processo que se dedica a vários aspectos da vida pessoal do cliente.

Ele atua tanto na área de relacionamentos, como na área profissional, passando por uma série de detalhes da personalidade, a fim de aproveitar o potencial represado em todas as áreas.

Coaching de emagrecimento

O coaching de emagrecimento ajuda o cliente a encarar de forma madura e bem-sucedida o seu desafio de perder peso.

Ele identifica os problemas que a pessoa está enfrentando para emagrecer e aborda como melhorar os hábitos em busca desse objetivo, com base em técnicas comprovadas.

Coaching financeiro

O coaching financeiro resolve problemas vinculados às finanças do cliente, seja a falta de recursos, o excesso de endividamento ou a dificuldade para fechar o mês no azul.

O coach vai mostrar onde o cliente está errando, o que ele pode fazer para melhorar as finanças com os rendimentos atuais e como começar a investir para alcançar a independência financeira.

Coaching: Quanto custa o processo?Quanto custa um processo de coaching?

O custo de uma sessão de coaching pode variar muito, de acordo com o perfil do coach e do cliente, além da cidade onde eles estão inseridos.

Mesmo assim, é possível delimitar um valor médio entre R$ 200 e R$ 500 para cada sessão, de forma geral.

Na maior parte das vezes, o cliente contrata um pacote de sessões, que ocorrem semanalmente, quinzenalmente ou uma vez por mês.

Para calcular quanto custa o processo, também é preciso considerar a duração do coaching, que tende a variar bastante para cada necessidade.

Para ficar apenas com um exemplo: um processo de coaching com duração de um ano e consultas quinzenais ao custo de R$ 300 significaria o custo total de R$ 7,2 mil.

Mas é válido entender esse apenas como um exemplo mesmo, pois cada caso é único.

Coach e coachee, juntos, decidem no início do processo quantas sessões serão necessárias até que ele esteja pronto para alcançar suas metas.

Como é a metodologia do coaching?

A metodologia do coaching é um produto de outras metodologias.

Isso significa que é impossível citar apenas uma área de referência para os estudos de coaching.

Os melhores profissionais da área reúnem conhecimentos de Psicologia, Gestão de Pessoas, Administração, Filosofia, Recursos Humanos e Neurociência, entre outros.

Para explicar de forma resumida, a metodologia consiste em:

  • Promover o autoconhecimento para identificar o problema e as necessidades do cliente
  • Conhecer em detalhes o comportamento do cliente, sua vida pessoal e profissional
  • Estabelecer um vínculo com o coachee, para garantir sua confiança
  • Ouvir as soluções que ele cogita para os próprios problemas
  • Fazer uma análise do caso e apresentar um diagnóstico, com um plano de ação para atingir o resultado esperado
  • Sugerir mudanças de hábitos ou atitudes, com base na experiência e em técnicas comprovadas, para alcançar as metas pré-estabelecidas.

Como funciona a sessão?Coaching: Metodologia, como é aplicada?

As sessões de coaching podem ser realizadas individualmente ou em grupo, dependendo do objetivo dos clientes.

Em geral, o encontro ocorre no escritório do coach e não há um período pré-determinado para a sessão.

Na maior parte das vezes, o tempo varia entre uma e duas horas e as sessões ocorrem de forma semanal, quinzenal ou mensal.

Como explicamos antes, cada caso é único.

Durante a sessão, o profissional vai realizar uma série de perguntas, estimulando o coachee a explicar como se sente e por que está ali.

Quando tudo isso ficar claro, o coach vai explorar aspectos de sua vida pessoal e profissional, estimulando o cliente a falar sem se preocupar com culpa ou julgamentos,

De posse dessas informações, o coach pode traçar uma estratégia para chegar aos resultados almejados, propondo mudanças de hábitos, mostrando soluções já comprovadas ou iniciando um processo de treinamento e de autoconhecimento para atingir o nível esperado.

Ferramentas: O que é utilizado na sessão?

Ao contrário do que algumas pessoas supõem, o profissional de coaching não tem, ao seu dispor, uma série de ferramentas espetaculares para fazer seu trabalho.

O escritório de um coach costuma ter sofás aconchegantes, um ou dois espelhos e livros técnicos.

Alguns profissionais contam com projetores e quadros negros para auxiliar na demonstração de suas ideias.

Além disso, o coach pode utilizar um gravador para registrar a conversa e consultá-la em outras ocasiões, além do notebook, tablet ou caderno nos quais fará as anotações que julga pertinentes.

Tudo muito simples, não é mesmo?

As ferramentas que ele utiliza para propor seu plano de ação são comuns às diferentes áreas nas quais atua.

Entre elas, estão as de cunho administrativo, como Análise SWOT (para identificar pontos fortes e fracos) e Matriz BCG (para definir prioridades).

Proposta da Sessão

A simplicidade das ferramentas mostra que o foco da sessão não são os utensílios, e sim o seu propósito: aproveitar ao máximo o potencial da pessoa que contratou o coach.

A proposta da sessão é desenvolver o autoconhecimento, explorar dilemas, identificar problemas e definir soluções para as situações trazidas pelos coachees.

Em muitos casos, os clientes podem se sentir inseguros e insatisfeitos durante o processo, mas isso faz parte da estratégia do coach para desencadear os comportamentos mais naturais do cliente.

Vale lembrar que uma sessão dificilmente será capaz de resolver todos os problemas do cliente, de forma que o indicado são pacotes de sessão.

Coaching: Quais são benefícios como pode mudar sua vidaQuais são os benefícios: Como um coaching pode mudar sua vida?

Até aqui, você já entendeu o que é coaching, descobriu como funciona uma sessão e compreendeu quais são os objetivos do processo.

Mas, falando em termos práticos, que benefícios o coaching traz para quem contrata um coach?


Felicidade e qualidade de vida

O principal benefício prático alcançado pelo processo de coaching talvez seja, também, o mais difícil de conquistar.

Quem contrata um bom coach e se entrega ao processo de corpo e mente alcança resultados tão positivos que a qualidade de vida é impactada.

Imagine uma vida com menos privações, menos remorso, menos ódio, menos ciúme, menos culpa, menos dor. Uma vida leve, com autoestima, bom humor e alto astral. É isso que o coaching promete.

Realização profissional

Para quem está interessado nos resultados profissionais, o processo de coaching ajuda a encontrar um novo rumo para a carreira, a ascender dentro da empresa ou a abrir o próprio negócio.

Tudo vai depender do seu perfil e das necessidades observadas durante as sessões.

Metas e objetivos atingidos

Sabe quando você estabelece uma meta, mas não consegue sair do lugar para conquistá-la?

O coach descobre quais são os bloqueios e oferece soluções para você contornar os obstáculos em busca do seu objetivo.

Melhora na saúde e estresse

Se você sabe o que é conviver com excesso de trabalho e estudo, correndo atrás de prazos e atendendo cobranças de todos os lados, já deve ter experimentado os sintomas do estresse.

Some a isso um trânsito caótico, as tarefas de casa e os compromissos sociais, e a rotina parece sufocante.

O coaching ajuda a atenuar o estresse, ao oferecer outras perspectivas e encontrar soluções para a rotina conturbada.

Relacionamentos e comunicação

Problemas de relacionamento, seja entre parceiros, seja com pais, filhos ou parentes, também podem ser foco do processo de coaching.

Muitas vezes, falta capacidade para se colocar do outro e de entender o contexto da situação – uma competência comportamental conhecida como empatia.

E o coaching traz esse olhar externo para as relações pessoais.

O mesmo vale para problemas de comunicação ou introspecção.

Planejamento

Se você sente que está sem rumo, que perdeu o foco, que não sabe para onde ir, ou simplesmente não sabe como atingir determinado objetivo, o coaching também é recomendável.

Por terem formação na área, os coaches estão preparados para oferecer as melhores alternativas, a fim de encontrar soluções em conjunto.

Aumento da Inteligência

Por mais estranho que possa parecer, também há processos de coaching focados no aumento da inteligência.

O nosso cérebro pode ser exercitado, e há coaches preparados para isso.

Raciocínio rápido, foco, concentração, associações, tudo isso pode ser desenvolvido.

Otimização do foco

Você começa uma leitura, mas logo o cérebro se distrai. Tenta responder um e-mail, mas perde a concentração. Inicia uma tarefa, mas leva horas para terminar.

A falta de foco nas tarefas cotidianas também pode ser tratada com um processo de coaching, porque ele identifica os problemas e apresenta as alternativas.

Desenvolvimento de habilidades

Diversas habilidades podem ser desenvolvidas com o auxílio de um coach.

Se você tem dificuldade para aprender um idioma, tocar um instrumento musical, dirigir ou dançar, tudo isso pode ser resolvido com a ajuda de um coach.

Nesses casos, o profissional atua de maneira a entender as razões dos bloqueios.

Veja que as habilidades desenvolvidas são sempre comportamentais e não técnicas.

Competências executivas

Finalmente, há uma série de competências executivas que podem ser desenvolvidas no coaching, como apresentar um projeto, diagnosticar os pontos fracos e fortes da empresa, cativar os clientes e reter funcionários.

Inteligência emocional, liderança e resiliência são habilidades fundamentais para isso – comportamentos que podem ser adquiridos ou aprimorados a partir de um processo de coaching.

Como um Coach pode ajudar profissionais autônomos?

Engana-se quem pensa que os executivos ou profissionais ligados a grandes empresas são os únicos que podem ser beneficiados pelo processo de coaching.

Até mesmo os profissionais autônomos, que trabalham por conta própria, podem encontrar benefícios na prática.

Entre as principais vantagens, é possível citar melhores resultados profissionais, novas oportunidades no mercado e ampliação da cartela de clientes.

Ao mesmo tempo, o coaching também permite uma comunicação assertiva com os clientes, e traz confiança e segurança para o dia a dia.

Com desempenho potencializado, o profissional autônomo vende mais, analisa melhor os riscos, organiza sua rotina de trabalho e alcança os resultados almejados.

Parece mágica, mas é apenas o poder de um processo de coaching conduzido por especialistas, capazes de identificar e corrigir pontos fracos, além de potencializar as principais virtudes.

Coach empresarial: Potencializando o timeCoaching: Coach Empresarial potencializando time.

O coaching empresarial é a modalidade voltada para as empresas.

O foco, aqui, é potencializar o desempenho de uma equipe de vendas, do setor de telemarketing ou de um grupo de representantes comerciais, por exemplo.

Embora seja frequentemente associado a profissões nas quais vender e lidar diretamente com os clientes é uma rotina, o coaching empresarial também pode estar relacionado a outras áreas.

O foco sempre é identificar problemas, otimizar processos, propor soluções e mudanças de hábitos para aumentar a produtividade da equipe e a lucratividade da empresa.

Resultados e impactos positivos

A empresa pode observar uma série de impactos positivos se o processo de coaching empresarial adotado for bem recebido pelos funcionários e tiver uma aplicação bem sucedida.

O principal critério utilizado para medir o impacto positivo é a produtividade.

Se o coach empresarial identificou desperdícios, hábitos nocivos e erros de processos, a empresa pode corrigir esses problemas.

Como resultado, vai produzir mais em menos tempo, o que, por consequência, aumenta a sua lucratividade.

Outros critérios utilizados para medir os resultados são as reclamações de clientes no SAC, a taxa de satisfação no pós-venda, a conversão de clientes esporádicos em consumidores fiéis, o redução de custos e a melhoria do ambiente de trabalho.

Atenção: O que não é coaching?

Com a popularização do coaching, muita gente confunde o processo com outras abordagens.

Vamos destacar agora as diferenças para evitar qualquer mal-entendido.

Psicoterapia

A psicoterapia é um tratamento realizado por um psicólogo, e não um coach.

O objetivo do tratamento é atuar de forma conjunta com o paciente para resolver questões psicológicas, como medos, fobias e frustrações.

O processo consiste em uma conversa entre paciente e psicólogo, na qual o paciente expõe seus problemas para que as dores sejam amenizadas e os conflitos sanados.

Consultoria

A consultoria se assemelha ao coaching, principalmente porque pode estar relacionada a diversas áreas de especialização.

No entanto, um consultor não tem a formação requerida de um coach e não pode ministrar sessões de coaching, porque não está preparado para isso.

Consultores indicando sugestões e mostrando exemplos de alternativas, sem se aprofundar, como um coach faz, na vida pessoal de cada cliente.

Autoajuda

O termo autoajuda foi popularizado pelas obras de literatura focadas em aprofundar questões pessoais e de comportamento.

No entanto, o processo de autoajuda consiste em uma reunião na qual as pessoas de um determinado grupo oferecem ajuda uns aos outros de forma mútua, para resolver conflitos comuns ao grupo.

Os grupos de narcóticos ou alcoólicos anônimos podem ser considerados grupos de autoajuda, o que nada tem a ver com o processo de coaching.

Coaching curso: Como se tornar um coach?

Se você leva jeito com as pessoas, é curioso e costuma ajudar amigos e parentes a tomar decisões difíceis, talvez seja o caso de considerar se tornar um coach.

Mas para seguir nesta profissão, você precisa ser aprovado em cursos voltados à formação de coaches.

Nesta hora, a dica é procurar o máximo de referências possíveis, para escolher um curso reconhecido pelo mercado.

Depois de fazer o curso de coaching, você pode se especializar em alguma das áreas ou partir direto para o atendimento de clientes.

Assim como qualquer profissão, o coaching exige investimento, dedicação e perseverança.

Como é o mercado de Coaches

O mercado de coaches varia muito no Brasil, mas é possível afirmar, com segurança, que a maior parte desses profissionais está concentrada na cidade de São Paulo, o centro financeiro do país.

Na comparação entre as regiões, o Sudeste, por ser mais desenvolvido e reunir as capitais mais populosas, também leva vantagem.

Mas isso não significa que não há espaço para coaches no interior ou nas regiões metropolitanas espalhadas pelo Brasil.

Para ter sucesso na área, você precisa começar por baixo, atendendo um ou dois clientes, oferecendo seus serviços e concedendo sessões experimentais de forma gratuita.

Quando você ficar conhecido e começar a preencher a agenda, pode adaptar o preço cobrado à demanda.

Lembre-se: para chegar a um nível conceituado e respeitado pelo mercado, você não vai precisar de dias, semanas ou meses, e sim de anos.

Quanto ganha um Coach?

Se o custo de cada sessão de coach tende a variar bastante, é lógico que a remuneração de cada coach também vai seguir o mesmo movimento.

Utilizando um exemplo genérico, no entanto, é possível dizer que, se o coach tiver clientes suficientes para realizar duas sessões em cada dia útil e cobrar R$ 200 por cada uma delas, receberá R$ 8,4 mil ao final do mês, considerando um mês com 21 dias úteis.

Nesse cálculo, não levamos em conta os custos do processo, como gastos com deslocamento, alimentação e energia elétrica, nem os impostos aos quais a atividade pode estar sujeita.

Coaching: ConclusãoConclusão

Se você se interessa pelo tema e gostou de saber mais sobre o coaching, há ótimas chances de que esteja propenso a se tornar um coach.

Ou, talvez, você esteja apenas buscando informações para finalmente começar um acompanhamento com um profissional do ramo.

Seja qual for o seu caso, esperamos que o artigo tenha sido proveitoso e agregado conhecimento ao seu objetivo.

Lembramos que, agora, você já é capaz de entender a importância do coach, detalhar como funciona uma sessão, demonstrar quais são os seus objetivos e enumerar as áreas que podem ser beneficiadas com o processo de coaching.

A partir de agora, você é o protagonista.

Que decisão você vai tomar?

Seja qual for a sua escolha, ficamos à disposição para ajudar no que mais for preciso.

Deixe seu comentário e compartilhe este conteúdo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *